Sociedade Bíblica do Brasil
Sociedade Bíblica do Brasil

Plano de leitura da Bíblia – dia 267

Texto(s) da Bíblia

Jesus, nosso Advogado

1Meus filhinhos, escrevo-lhes estas coisas para que vocês não pequem. Mas, se alguém pecar, temos Advogado junto ao Pai, Jesus Cristo, o Justo. 2E ele é a propiciação pelos nossos pecados — e não somente pelos nossos próprios, mas também pelos do mundo inteiro. 3E nisto sabemos que o temos conhecido: se guardamos os seus mandamentos. 4Aquele que diz: “Eu o conheço”, mas não guarda os seus mandamentos, esse é mentiroso, e a verdade não está nele. 5Mas quem guarda a sua palavra, nele verdadeiramente tem sido aperfeiçoado o amor de Deus. Nisto sabemos que estamos nele: 6quem diz que permanece nele, esse deve também andar assim como ele andou.

O novo mandamento

7Amados, não lhes escrevo um mandamento novo, mas um mandamento antigo, que vocês tiveram desde o princípio. Esse mandamento antigo é a palavra que vocês ouviram. 8Por outro lado, o que lhes escrevo é um mandamento novo, aquilo que é verdadeiro nele e em vocês, porque as trevas vão se dissipando, e a verdadeira luz já brilha. 9Quem diz estar na luz, mas odeia o seu irmão, está nas trevas até agora. 10Quem ama o seu irmão permanece na luz, e nele não há nenhum tropeço. 11Mas quem odeia o seu irmão está nas trevas, anda nas trevas e não sabe para onde vai, porque as trevas lhe cegaram os olhos.

A vitória sobre o Maligno

12Filhinhos, escrevo a vocês,

porque os seus pecados

são perdoados

por causa do nome de Jesus.

13Pais, escrevo a vocês,

porque conhecem

aquele que existe

desde o princípio.

Jovens, escrevo a vocês,

porque vocês

têm vencido o Maligno.

14Filhinhos, escrevi a vocês,

porque conhecem o Pai.

Pais, escrevi a vocês,

porque conhecem

aquele que existe

desde o princípio.

Jovens, escrevi a vocês,

porque são fortes,

e a palavra de Deus

permanece em vocês,

e vocês já venceram o Maligno.

Não se deve amar o mundo

15Não amem o mundo nem as coisas que há no mundo. Se alguém amar o mundo, o amor do Pai não está nele. 16Porque tudo o que há no mundo — os desejos da carne, os desejos dos olhos e a soberba da vida — não procede do Pai, mas procede do mundo. 17Ora, o mundo passa, bem como os seus desejos; mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre.

Os anticristos

18Filhinhos, esta é a última hora. E, como vocês ouviram que o anticristo vem, também agora muitos anticristos têm surgido; por isso sabemos que é a última hora. 19Eles saíram do nosso meio, mas não eram dos nossos. Porque, se tivessem sido dos nossos, teriam permanecido conosco. Mas eles se foram para que ficasse manifesto que nenhum deles é dos nossos.

20Mas vocês têm a unção que vem do Santo e todos têm conhecimento. 21Não escrevi a vocês porque não conhecem a verdade, mas porque vocês a conhecem, e porque nenhuma mentira procede da verdade. 22Quem é o mentiroso, senão aquele que nega que Jesus é o Cristo? Este é o anticristo, o que nega o Pai e o Filho. 23Todo aquele que nega o Filho, esse não tem o Pai; e aquele que confessa o Filho tem igualmente o Pai.

24Permaneça em vocês o que vocês ouviram desde o princípio. Se o que ouviram desde o princípio permanecer em vocês, também vocês permanecerão no Filho e no Pai. 25E esta é a promessa que ele mesmo nos fez: a vida eterna.

26Isto que acabo de escrever para vocês é a respeito dos que estão tentando enganá-los. 27Quanto a vocês, a unção que receberam dele permanece em vocês, e não precisam que alguém os ensine. Mas, como a unção dele os ensina a respeito de todas as coisas, e é verdadeira, e não é falsa, permaneçam nele, como também ela ensinou a vocês.

Filhos de Deus

28E agora, filhinhos, permaneçam nele, para que, quando ele se manifestar, tenhamos confiança e não sejamos envergonhados, tendo de nos afastar dele no dia da sua vinda. 29Se sabem que ele é justo, reconheçam também que todo aquele que pratica a justiça é nascido de Deus.

1João 2NAAAbrir na Bíblia

A celebração da Páscoa

2Rs 23.21-23

1Josias celebrou a Páscoa ao Senhor, em Jerusalém, e eles mataram os cordeiros da Páscoa no décimo quarto dia do primeiro mês. 2Josias estabeleceu os sacerdotes nos seus cargos e os animou a servirem na Casa do Senhor. 3Disse aos levitas que ensinavam a todo o Israel e estavam consagrados ao Senhor:

— Ponham a arca sagrada no templo que Salomão, filho de Davi, rei de Israel, construiu. Vocês não precisam mais carregá-la nos ombros. Agora sirvam ao Senhor, o Deus de vocês, e ao seu povo de Israel. 4Preparem-se segundo as suas famílias, segundo os turnos de vocês, segundo a prescrição de Davi, rei de Israel, e a de Salomão, seu filho. 5Ministrem no santuário segundo os grupos das famílias de seus irmãos, os filhos do povo; e que haja, para cada grupo, uma parte das famílias dos levitas. 6Matem os cordeiros da Páscoa, santifiquem-se e façam preparativos para que os seus irmãos comemorem a Páscoa segundo a palavra do Senhor, dada por meio de Moisés.

7Josias deu ao povo, para todos os que ali estavam, trinta mil cordeiros e cabritos do rebanho, todos para os sacrifícios da Páscoa, além de três mil bois. Tudo isto foi tirado dos bens do rei. 8Também os seus príncipes fizeram ofertas voluntárias ao povo, aos sacerdotes e aos levitas. Hilquias, Zacarias e Jeiel, chefes da Casa de Deus, deram aos sacerdotes, para os sacrifícios da Páscoa, dois mil e seiscentos cordeiros e cabritos e trezentos bois. 9Conanias, os seus irmãos Semaías e Natanael, e também Hasabias, Jeiel e Jozabade, chefes dos levitas, apresentaram aos levitas, para os sacrifícios da Páscoa, cinco mil cordeiros e cabritos e quinhentos bois. 10Assim se preparou o serviço, e os sacerdotes se puseram nos seus lugares com os levitas, pelos seus turnos, segundo a ordem do rei.

11Então mataram os cordeiros da Páscoa, e os sacerdotes aspergiam o sangue recebido das mãos dos levitas que tiravam a pele dos animais. 12Puseram de parte o que era para os holocaustos e o deram ao povo, segundo os grupos das famílias, para que estes o oferecessem ao Senhor, como está escrito no Livro de Moisés; e assim fizeram com os bois. 13Assaram o cordeiro da Páscoa no fogo, segundo o rito. Cozinharam as ofertas sagradas em panelas, em caldeirões e em frigideiras, e as repartiram entre todo o povo. 14Depois os levitas prepararam o que era deles e dos sacerdotes, porque os sacerdotes, filhos de Arão, se ocuparam, até a noite, com o sacrifício dos holocaustos e da gordura. Foi por isso que os levitas prepararam o que era deles e dos sacerdotes, filhos de Arão. 15Os cantores, filhos de Asafe, estavam nos seus lugares, segundo o mandado de Davi, de Asafe, de Hemã e de Jedutum, vidente do rei. Também os porteiros estavam junto aos portões; não necessitaram abandonar o seu serviço, porque os seus irmãos, os levitas, preparavam o necessário para eles.

16Assim se estabeleceu todo o serviço do Senhor, naquele dia, para celebrar a Páscoa e oferecer holocaustos sobre o altar do Senhor, segundo o mandado do rei Josias. 17Os filhos de Israel que estavam presentes celebraram a Páscoa naquele tempo e a Festa dos Pães sem Fermento, durante sete dias. 18Nunca se celebrou uma Páscoa como esta em Israel desde os dias do profeta Samuel. E nenhum dos reis de Israel celebrou uma Páscoa como esta que Josias celebrou com os sacerdotes e levitas, e com todo o Judá e Israel, que estavam ali, e com os moradores de Jerusalém. 19Foi no décimo oitavo ano do reinado de Josias que foi celebrada esta Páscoa.

A morte de Josias

2Rs 23.28-30

20Depois de tudo isto, quando Josias já tinha restaurado o templo, o rei Neco, do Egito, subiu para guerrear em Carquemis, junto ao rio Eufrates. E Josias saiu para lutar contra ele. 21Então Neco mandou mensageiros a ele, dizendo:

— O que você tem contra mim, rei de Judá? Não venho contra você desta vez, mas contra o reino com o qual estou em guerra. E Deus disse que me apressasse. Pare de se opor a Deus, que está comigo, para que ele não o destrua.

22Mas Josias não voltou atrás. Pelo contrário, se disfarçou para lutar contra ele. Não deu ouvidos às palavras que Neco lhe havia falado da parte de Deus e foi lutar no vale de Megido. 23Os flecheiros atiraram contra o rei Josias. Então o rei disse aos seus servos:

— Tirem-me daqui, porque estou gravemente ferido.

24Seus servos o tiraram do carro de guerra, levaram-no para o segundo carro que ele tinha e o transportaram para Jerusalém. Ele morreu e foi sepultado nos túmulos de seus pais. Todo o Judá e Jerusalém prantearam Josias.

25Jeremias compôs uma lamentação sobre Josias, e até o dia de hoje todos os cantores e cantoras, nas suas lamentações, se têm referido a Josias. Isto se tornou um costume em Israel, e essas lamentações estão escritas no Livro das Lamentações.

26Quanto aos demais atos de Josias e às suas obras de misericórdia, segundo está escrito na Lei do Senhor, 27e aos seus atos, tanto os primeiros como os últimos, está tudo escrito no Livro da História dos Reis de Israel e de Judá.

2Crônicas 35NAAAbrir na Bíblia

38Tu, porém, o repudiaste

e o rejeitaste;

e te indignaste com o teu ungido.

39Quebraste a aliança

com o teu servo;

profanaste a sua coroa,

jogando-a no chão.

40Arrasaste

todas as suas muralhas;

reduziste a ruínas

as suas fortificações.

41Todos os que passam

pelo caminho o saqueiam;

ele se tornou objeto de deboche

para os vizinhos.

42Exaltaste a mão direita

dos seus adversários

e deste alegria

a todos os seus inimigos.

43Deixaste sem fio a sua espada

e não o sustentaste na batalha.

44Fizeste cessar o seu esplendor

e deitaste por terra o seu trono.

45Abreviaste

os dias da sua mocidade

e o cobriste de vergonha.

46Até quando, Senhor?

Ficarás escondido para sempre?

Até quando a tua ira

queimará como fogo?

47Lembra-te de como é breve

a minha existência!

Terias criado em vão

todos os filhos dos homens?

48Quem é que pode viver

e não ver a morte?

Ou quem pode livrar a sua alma

do poder da sepultura?

49Senhor, onde estão

as tuas misericórdias de outrora,

juradas a Davi por tua fidelidade?

50Lembra-te, Senhor, dos insultos

contra os teus servos

e de como trago no peito

a injúria de muitos povos,

51com que os teus inimigos,

Senhor, têm insultado,

sim, insultado

os passos do teu ungido.

52Bendito seja o Senhor

para sempre!

Amém e amém!

Salmos 89:38-52NAAAbrir na Bíblia
Sociedade Bíblica do Brasilv.4.19.1
SIGA A SBB: