Sociedade Bíblica do Brasil
Sociedade Bíblica do Brasil

Plano de leitura da Bíblia – dia 238

Texto(s) da Bíblia

As palavras da vida eterna

60Muitos dos seus discípulos, tendo ouvido tais palavras, disseram:

— Duro é este discurso; quem pode suportá-lo?

61Mas Jesus, sabendo por si mesmo que os seus discípulos murmuravam a respeito do que ele havia falado, disse-lhes:

— Isto escandaliza vocês? 62Que acontecerá, então, se virem o Filho do Homem subir para o lugar onde primeiro estava? 63O Espírito é o que vivifica; a carne para nada aproveita. As palavras que eu lhes tenho falado são espírito e são vida. 64Mas há descrentes entre vocês.

Ora, Jesus sabia, desde o princípio, quais eram os que não criam e quem iria traí-lo. 65E prosseguiu:

— Por causa disto é que falei para vocês que ninguém poderá vir a mim, se não lhe for concedido pelo Pai.

66Diante disso, muitos dos seus discípulos o abandonaram e já não andavam com ele. 67Então Jesus perguntou aos doze:

— Será que vocês também querem se retirar?

68Simão Pedro respondeu:

— Senhor, para quem iremos? O senhor tem as palavras da vida eterna, 69e nós temos crido e conhecido que o senhor é o Santo de Deus.

70Então Jesus lhes disse:

— Não é fato que eu escolhi vocês, os doze? Mas um de vocês é um diabo.

71Ele se referia a Judas, filho de Simão Iscariotes, porque este, sendo um dos doze, era quem o haveria de trair.

João 6:60-71NAAAbrir na Bíblia

Função dos cantores

1Davi, juntamente com os chefes do serviço, separou para o ministério os filhos de Asafe, de Hemã e de Jedutum, para profetizarem com harpas, liras e címbalos. A lista dos encarregados neste ministério foi: 2dos filhos de Asafe: Zacur, José, Netanias e Asarela, filhos de Asafe, sob a direção deste, que exercia o seu ministério debaixo das ordens do rei.

3Quanto à família de Jedutum, os filhos: Gedalias, Zeri, Jesaías, Simei, Hasabias e Matitias, seis ao todo, sob a direção de Jedutum, seu pai, que profetizava com harpas, louvando e dando graças ao Senhor.

4Quanto à família de Hemã, os filhos: Buquias, Matanias, Uziel, Sebuel, Jerimote, Hananias, Hanani, Eliata, Gidalti, Romanti-Ézer, Josbecasa, Maloti, Hotir e Maaziote. 5Todos estes foram filhos de Hemã, o vidente do rei e cujo poder Deus exaltou segundo as suas promessas, dando-lhe catorze filhos e três filhas. 6Todos estes estavam sob a direção respectivamente de seus pais, para dirigir o canto na Casa do Senhor, com címbalos, liras e harpas, para o ministério da Casa de Deus, estando Asafe, Jedutum e Hemã debaixo das ordens do rei. 7O número deles, juntamente com os seus irmãos instruídos no canto do Senhor, todos eles mestres, era de duzentos e oitenta e oito. 8Lançaram sortes para designar os deveres, tanto dos jovens como dos velhos, tanto do mestre como do discípulo.

9A primeira sorte tocou à família de Asafe e saiu para José; a segunda, para Gedalias, que, com os seus irmãos e os seus filhos, eram doze ao todo. 10A terceira, para Zacur, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 11A quarta, para Izri, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 12A quinta, para Netanias, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 13A sexta, para Buquias, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 14A sétima, para Jesarela, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 15A oitava, para Jesaías, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 16A nona, para Matanias, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 17A décima, para Simei, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 18A décima primeira, para Azarel, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 19A décima segunda, para Hasabias, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 20A décima terceira, para Subael, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 21A décima quarta, para Matitias, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 22A décima quinta, para Jerimote, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 23A décima sexta, para Hananias, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 24A décima sétima, para Josbecasa, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 25A décima oitava, para Hanani, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 26A décima nona, para Maloti, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 27A vigésima, para Eliata, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 28A vigésima primeira, para Hotir, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 29A vigésima segunda, para Gidalti, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 30A vigésima terceira, para Maaziote, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo. 31A vigésima quarta, para Romanti-Ézer, seus filhos e seus irmãos, doze ao todo.

1Crônicas 25NAAAbrir na Bíblia

Os porteiros

1Quanto aos turnos dos porteiros: dos coraítas, Meselemias, filho de Coré, dos filhos de Asafe. 2Os filhos de Meselemias foram: Zacarias, o primogênito, Jediael, o segundo, Zebadias, o terceiro, Jatniel, o quarto, 3Elão, o quinto, Joanã, o sexto, Elioenai, o sétimo.

4Os filhos de Obede-Edom foram: Semaías, o primogênito, Jeozabade, o segundo, Joá, o terceiro, Sacar, o quarto, Natanael, o quinto, 5Amiel, o sexto, Issacar, o sétimo, Peuletai, o oitavo. Porque Deus tinha abençoado Obede-Edom.

6Também a seu filho Semaías nasceram filhos, que dominaram sobre a casa de seu pai; porque foram homens valentes. 7Os filhos de Semaías foram: Otni, Rafael, Obede e Elzabade, cujos irmãos Eliú e Semaquias eram homens valentes. 8Todos estes foram dos filhos de Obede-Edom; eles, seus filhos e seus irmãos, homens capazes e robustos para o serviço; ao todo, sessenta e dois.

9Os filhos e os irmãos de Meselemias, homens valentes, foram dezoito.

10De Hosa, dos filhos de Merari, foram filhos: Sinri, a quem o pai constituiu chefe, ainda que não era o primogênito, 11Hilquias, o segundo, Tebalias, o terceiro, Zacarias, o quarto; todos os filhos e irmãos de Hosa foram treze.

12A estes turnos dos porteiros, isto é, a seus chefes, foi entregue a guarda, para servirem, como seus irmãos, na Casa do Senhor. 13Para cada portão fizeram um sorteio para designar os deveres tanto dos pequenos como dos grandes, segundo as suas famílias. 14A guarda do lado do leste caiu por sorteio a Selemias; depois, lançaram sorte sobre seu filho Zacarias, conselheiro prudente, e lhe saiu a guarda do lado do norte; 15a Obede-Edom, a guarda do lado do sul; e a seus filhos, a guarda da casa de depósitos; 16a Supim e Hosa, a guarda do oeste, junto ao portão de Salequete, na estrada que sobe. Uma guarda ficava ao lado de outra guarda. 17A leste, estavam de guarda seis levitas; ao norte, quatro por dia; ao sul, quatro por dia, e, para a casa de depósitos, dois num lugar e dois noutro. 18No átrio a oeste, quatro junto ao caminho, dois junto ao átrio. 19São estes os turnos dos porteiros dos filhos dos coraítas e dos filhos de Merari.

Guardas dos tesouros

20Outros levitas, seus irmãos, tinham o encargo dos tesouros da Casa de Deus e dos tesouros das coisas consagradas: 21os filhos de Ladã, descendentes dos gersonitas pertencentes a Ladã e chefes das famílias deste, da família de Gérson: Jeieli; 22os filhos de Jeieli: Zetã e Joel, seu irmão; estes estavam encarregados dos tesouros da Casa do Senhor.

23Dos anramitas, dos isaritas, dos hebronitas, dos uzielitas, 24Sebuel, filho de Gérson, filho de Moisés, era oficial encarregado dos tesouros. 25Seus irmãos: de Eliézer, foi filho Reabias, de quem foi filho Jesaías, de quem foi filho Jorão, de quem foi filho Zicri, de quem foi filho Selomite. 26Este Selomite e os seus irmãos tinham a seu encargo todos os tesouros das coisas consagradas que o rei Davi e os chefes das famílias, capitães de milhares e de centenas e capitães do exército tinham dedicado. 27Dos despojos das guerras as dedicaram para a conservação da Casa do Senhor. 28Tinham também a seu encargo tudo o que havia sido dedicado por Samuel, o vidente, por Saul, filho de Quis, por Abner, filho de Ner, e por Joabe, filho de Zeruia. Tudo o que qualquer pessoa havia dedicado estava sob os cuidados de Selomite e seus irmãos.

Os oficiais e os juízes

29Dos isaritas, Quenanias e seus filhos foram postos sobre Israel, para oficiais e juízes dos negócios externos.

30Dos hebronitas, foram Hasabias e seus irmãos, homens valentes, mil e setecentos, que superintendiam Israel, além do Jordão para o oeste, em todo serviço do Senhor e interesses do rei; 31dos hebronitas, Jerias era o chefe. Quanto aos hebronitas, suas genealogias e famílias, se fizeram investigações no quadragésimo ano do reinado de Davi e se acharam entre eles homens valentes em Jazer de Gileade. 32Seus irmãos, homens valentes, dois mil e setecentos, chefes das famílias; e o rei Davi os constituiu sobre os rubenitas, os gaditas e a meia tribo dos manassitas, para todos os negócios de Deus e para todos os negócios do rei.

1Crônicas 26NAAAbrir na Bíblia

1Abra as suas portas, ó Líbano,

para que o fogo consuma

os seus cedros.

2Chorem, ciprestes,

porque os cedros caíram,

porque as mais excelentes árvores

foram destruídas.

Chorem, carvalhos de Basã,

porque a densa floresta

foi derrubada.

3Eis a voz de choro dos pastores,

porque a sua glória foi destruída!

Eis o rugido dos leõezinhos,

porque o orgulho do Jordão foi destruído!

A parábola do bom pastor

4— Assim diz o Senhor, meu Deus: Apascente as ovelhas destinadas para o matadouro. 5Aqueles que as compram matam-nas e não são punidos; os que as vendem dizem: “Louvado seja o Senhor! Ficamos ricos!” E os pastores das ovelhas não se compadecem delas. 6Certamente não terei mais compaixão dos moradores desta terra, diz o Senhor. Eis que eu entregarei cada um nas mãos do seu próximo e nas mãos do seu rei. Eles destruirão o país, e eu não os livrarei das mãos deles.

7Apascentei as ovelhas destinadas para o matadouro pelos negociantes das ovelhas. Peguei dois cajados: a um chamei “Graça”, e a outro, “União”. E apascentei as ovelhas. 8Em um mês destruí três pastores. Perdi a paciência com eles, e também eles se cansaram de mim. 9Então eu disse:

— Não serei mais o pastor de vocês. Quem tiver de morrer, que morra! Quem tiver de ser destruído, que seja! E os que restarem, que cada um coma a carne do seu próximo.

10Peguei o cajado chamado Graça e o quebrei, para anular a minha aliança, que eu havia feito com todos os povos. 11Portanto, a aliança foi anulada naquele dia. E os negociantes de ovelhas, que estavam me observando, reconheceram que isto era palavra do Senhor. 12Eu lhes disse:

— Se estiverem de acordo, paguem o meu salário; se não, deixem por isso mesmo.

Então pesaram o meu salário: trinta moedas de prata.

13Então o Senhor me disse:

— Pegue esse dinheiro, esse magnífico preço em que fui avaliado por eles, e jogue para o oleiro.

Peguei as trinta moedas de prata e as joguei para o oleiro, na Casa do Senhor. 14Depois, quebrei o segundo cajado, chamado União, para romper a irmandade entre Judá e Israel.

A parábola do pastor insensato

15O Senhor me disse:

— Agora pegue os apetrechos de um pastor insensato. 16Porque eis que eu levantarei na terra um pastor que não cuidará das ovelhas que estão perecendo, não buscará a desgarrada, não curará a que foi ferida, nem apascentará a sã, mas comerá a carne das ovelhas gordas e arrancará até os cascos delas.

17Ai do pastor inútil,

que abandona o rebanho!

A espada cairá sobre o seu braço

e sobre o seu olho direito;

o braço ficará

completamente seco,

e o olho direito totalmente cego.

Zacarias 11NAAAbrir na Bíblia
Sociedade Bíblica do Brasilv.4.18.6
SIGA A SBB: