“A colheita é grande mesmo, mas os trabalhadores são poucos. Peçam ao dono da plantação que mande mais trabalhadores para fazerem a colheita.” (Jesus, em Mateus 9.37-38)

Logo Semeador

Home Conheça as Traduções da SBB

Conheça as Traduções da SBB

As traduções existem para garantir que todos possam ler e compreender as Escrituras Sagradas.

 

Abaixo você pode conhecer mais sobre elas e aprender como identificar qual se encaixa melhor para o dia a dia de cada pessoa.

NOVA TRADUÇÃO NA LINGUAGEM DE HOJE (NTLH)

Essa tradução da Bíblia Sagrada traz uma linguagem simples, clara, natural e sem ambiguidades. Feita a partir do princípio dinâmico (ou funcional), a NTLH é uma tradução em “língua comum”. Não se trata, em si, de uma linguagem simples, mas da língua que é comum à maioria dos falantes do português do Brasil hoje, e por isso, é indicada para crianças, jovens e novos convertidos.

NOVA ALMEIDA ATUALIZADA (NAA)

Essa tradução é resultado de uma profunda revisão da consagrada tradução Almeida Revista e Atualizada. Apresenta um texto clássico com uma linguagem atual, seguindo a norma padrão do português escrito e falado no Brasil, sem perder a fidelidade ao leitor de Almeida e aos textos bíblicos originais.

Feita a pedido e com o apoio da Igreja cristã, a NAA é ideal para uso no culto, para leitura em voz alta, bem como para leitura, memorização e estudo pessoal.

ALMEIDA REVISTA E ATUALIZADA (ARA)

Essa tradução é resultado de mais de uma década de revisão e atualização, tanto teológica como linguística, do texto da Almeida Revista e Corrigida. Igualmente fiel aos textos originais, a linguagem da RA é viva, acessível, clara e nobre.

ALMEIDA REVISTA E CORRIGIDA (ARC)

Essa tradução é adotada por um grande número de igrejas evangélicas nos países de fala portuguesa. Ela segue o princípio de tradução de equivalência formal, adotando uma linguagem clássica e erudita.

 

Ao longo do tempo, alguns termos arcaicos foram substituídos; mesmo assim, não se surpreenda ao encontrar termos de difícil compreensão. Em relação aos textos originais, a ARC segue o Texto Massorético para o Antigo Testamento e o Textus Receptus (ou Texto Recebido) para o Novo Testamento.

Quero ser um semeador

Junte-se agora